Louco por ti
Zé gosta e procura compreender o que se vai passando consigo. Foi isso que o levou, a partir de certa altura, a escrever o que sentia por ela, como via a relação que mantinham e o que desejava dela.
05
Mar 06

Terralva, 5 de Março

Querida
Corre mas não fujas!
Andas permanentemente a correr. Corres pelo trabalho; corres pelos estudos; corres pelos amigos; corres por tudo. Isso ocupa-te permanentemente, deixa-te tensa, com dificuldades em definir prioridades, sem tempo para ti.
Mas será que corres ou que foges? – Se calhar, uma coisa e outra...
Ás vezes, parece que foges das coisas, dos problemas, das pessoas, de ti mesma. Isso é perigoso, porque quando se foge de si mesmo, pode-se acabar tentado a fugir da vida...
Os problemas devem ser enfrentados, de forma a transformá-los em desafios, que devemos tentar vencer. Não fugir deles.
Fugir das pessoas, e principalmente das que gostamos, nada resolve porque a sua recordação nos persegue.
Não será isto que está a acontecer quando, mais uma vez, ontem decidiste (?) fugir de mim? Não será a consciência disto que te leva a inventar “razões” para te tentares convencer que as coisas entre nós não podem continuar?
Acho que precisas de parar um pouco, deixares de correr ou fugir tanto, reflectires e ouvires também o coração, procurando apurares o que queres realmente.
Como te tenho dito muitas vezes, enamorei-me de ti, apaixonei-me por ti. Sinto que te amo muito. Quero fazer-te feliz porque acho que só contigo posso ser feliz, pelo menos nos próximos tempos.
Mas como te disse, não quero isso, não te quero de qualquer maneira, a qualquer preço. Quero-te de uma forma digna.
Não me quero intrometer entre ti e seja quem quer que seja. Não quero que te sintas obrigada ao que quer que seja.
Só te quero se entenderes, se o teu coração a isso te aconselhar.
Quando, trinta e nove dias depois de teres fugido uma primeira vez de mim, depois de há três semanas teres voltado, depois do que partilhámos nestas três semanas, depois de há dias teres dito que achavas que te estavas a sentir apaixonada por mim, enfim, depois de tanta ternura e entendimento, apareces novamente e repentinamente a decidires (?) fugir novamente de mim. Será que é de mim que estás a fugir? Não será de ti? – Não me parece que essa tua nova decisão seja determinada por convicção e, muito menos, por sentimento, isto é, por não gostares de mim.
Bom, espero que consigas parar um pouco, reflectires sobre o que pretendes, ouvindo o coração, não tendo receio dos teus sentimentos e que ajas em função disso, com convicção e dando largas aos sentimentos mais profundos. Se assim fizeres e se decidires voltar para mim, tens-me de braços abertos para te abraçar e disposto a, contigo, enfrentar o mundo e a vida.
publicado por jmartinsdocabo às 16:49
É realmente complicado avaliar o que se passa na vossa relação... Para mim faz pouco sentido, porque só consigo entender o amor como um tudo ou um nada. No amor não há talvez...Para mim não há talvez... Admiro a tua paciência e o teu amor desmedido!! Gosto particularmente de um provérbio chinês que diz qualquer coisa do género: Abre as portas da gaiola e deixa o pássaro voar...Se ele voltar é teu... se não voltar é porque nunca te pertenceu...!! É um bom provérbio, não achas?? :) Beijinhos e tudo de bom para ti.Essa_Miuda
(http://www.sonhadorainata.blogs.sapo.pt)
(mailto:Essa_Miuda72@hotmail.com)
Anónimo a 8 de Março de 2006 às 10:24
Nem sei bem como iniciar este comentario, nem sei bem como o dizer, mas...
Bem...
Tudo o que começa tem um fim e...
O meu blog chegou ao fim...
O que digo não abrange tudo o que sinto, o que sinto não se ajusta ao que digo e o que digo parece sem sentido para os que não sentem o mesmo que eu.
Obrigada por todas as palavras e por todo o carinho, mas...
O meu mundo acabou...
Porém... Podes ficar secretamente á espera de um gesto, de um sinal, pois sempre que poder venho ao teu cantinho, pois, já és parte do meu mundo virtual!
Obrigada por tudo!Débora
(http://mundoondeexisto.blogs.sapo.pt)
(mailto:dede@sapo.pt)
Anónimo a 7 de Março de 2006 às 23:52
ola
boa noite
obrigado pela visita ao meu espaço, gostei tb do teu, e vou voltar concerteza...
um beijinho
ate breveisabel
(http://www.flordomeusegredo.blogs.sapo.pt)
(mailto:isabelmargaridalucio@hotmail.com)
Anónimo a 7 de Março de 2006 às 23:37
Março 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
30
31
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Eu te louvarei, de todo o meu coraçã...
Minha familia. javito, Duvanito, Jõao, Luis...
Mãe eu te amo muito eu nunca disinsto na tu...
O que qui você esperar. você é ...
Eu quero namorar com tigo. é porque tua bel...
gostei bue, muito original
gostei bue, muito original
ha se tas assim tao apaixonado pede-lhe em namoro ...
Essa vida é realmente muito difícil... e parecer e...
Desencana, Véio. desencana. Bom é sexo. Porra de s...
blogs SAPO